quinta-feira, 22 de julho de 2010

E lá vamos nós...

Porre, eu? Imagina!
Eu lá sou porre. 'Pó'rre é o que o Maradona gosta.

  Porre é ter que se deparar com a realidade e ainda ouvir piadinha do tipo: ''tá amarga hein gata? Vem cá que te deixo docinha de novo!''    CANTADA DE PEDREIRO FAIL!

  Mas enfim. Fingindo que não li o fracasso da cantada do meu amigo Allan e ainda falando disso, volto a comentar sobre o tão badalado tema do meu post anterior como se esse blog fosse visitado por milhares de pessoas! Rá!, quando deixei garotinhas nervosas e homens indignados.
Bah fala sério. O que eu lí no msn de ''você não pode dizer isso! Meu namorado é fiel e me ama, não come mais ninguém tá?''  não foi brincadeira e eu agora preciso de terapia e de uma benzedeira, pois o que me roragam de praga 'não está no gibi'.
  Bem, é como eu falei: quem sou pra destruir os sonhos de alguém? Ninguém, cara, e se você prefere continuar achando que vampiros se apaixonam por humanos o problema sexual é todo seu! Se você acha que ainda vale a pena acreditar em príncipe encantado e num homem fiel, problema seu. Se você acha que existem homens que não vão olhar/desejar/ficar [com] outra mulher, tudo bem também. Homens estão para o amor assim como vampiros estão para feijoada, ou seja: Homens não se apaixonam assim como vampiros não comem. Mas tudo bem, acredite em coelhos da páscoa e em homem verdadeiro. Eles existem na mesma proporção do papai noel, e com isso eu não destruo seus sonhos: eu te dou diferentes visões.

Aprenda a conhecer o cara antes de achar que ele é o homem da sua vida.
Não pense que o fato dele te ligar significa que sentiu saudades: há homens que estão apenas delimitando seu terreno.
Saiba que o amor, caso exista, é um sentimento a longo prazo, não podendo existir antes de você conhecer bem a pessoa.
Separe sua vida do namoro. Ele é ele e tem vida própria, você é você e tem a sua também. O Ronaldo é que não entende bem essa diferença entre homem e mulher.
Nunca pense que fingindo ser santa conseguirá conquistá-lo, achando que o cara te vê como a própria Maria. Seja você mesmo. Eles preferem as burras mulheres devassas.
Pára de achar que sua vida será um mar de rosas e que ele vai almoçar todo domingo na casa dos seus pais. Porra, ele quer ver futebol e só se lembra de você depois que o árbitro apita.
Nunca, eu disse nunca, diga que o ama. NUNCA!

  Caso você desobedeça essa última regra, olha o que vai te acontecer...

"Ana, lindinha, meiga e doce, se apaixona por Marcos, boa pinta, bem articulado, gostoso pra caralho e começam a namorar. Ana acredita na fidelidade de seu namorado e credita nele toda a sua felicidade, sem ao menos considerar que além de HUMANO, Marcos é homem. Resultado: Uma garota pré-disposta a ser apenas um vaso de decoração na vida dele, enquanto o garoto pula a cerca."

  É isso que acontece quando transferimos uma responsabilidade nossa, para as costas de um outro alguém, principalmente se esse alguém mijar em pé [e com isso eu excluo as sapatonas caminhoneiras] e for imberbe.

Muito mais fácil é se você, seja lá em que prefere acreditar, puser na cabeça a seguinte sentença:

''Ele pode até me amar [ o que eu não acredito ] mas amanhã ele pode acordar, coçar o saco e perceber que não sou mais o play ground predileto dele''.

  Porra será dificil de acreditar? VIDE os divórcios. O cara acorda numa bela manhã, vê a mulher com cara de Madonna sem Photoshop [que a Diva me perdoe!] e diz: pôrra, tô precisando de uma enfermeirinha gostosa! Acho que vou pedir o divórcio! - Não importa se na noite anterior ele disse que pagaria sua lipo e continuaria te amando até o fim da vida, o que importa é se ele realmente vai pagar sua lipo depois que ele te largar, poxa!


E mais uma vez, reitero o pedido de desculpas. Se você prefere continuar achando que a bahia é linda, o flamengo é lindo e que ele te ama, o problema é seu...

...só não diz que eu não avisei.

2 comentários:

PalomaLeilane disse...

"Separe sua vida do namoro. Ele é ele e tem vida própria, você é você e tem a sua também."

Não é por não ter o que comentar..
Mas, disse tudo!

Anônimo disse...

Quero ir na fonte do teu ser
E banhar-me na tua pureza
Guardar em pote gotas de felicidade
Matar saudade que ainda existe em mim
Afagar teus cabelos molhados
Pelo orvalho que a natureza rega
Com a sutileza que lhe fez a perfeição
Deixando a certeza de amor no coração
Deixa eu te amar
Faz de conta que sou o primeiro
Na beleza desse teu olhar
Eu quero estar o tempo inteiro
Quero saciar a minha sede
No desejo da paixão que me alucina
Vou me embrenhar nessa mata só porque
Existe uma cascata que tem água cristalina
Aí então vou te amar com sede
Na relva, na rede, onde você quiser
Quero te pegar no colo
Te deitar no solo e te fazer mulher
Quero te pegar no colo
Te deitar no solo e te fazer mulher
Deixa eu te amar
Faz de conta que sou o primeiro
Na beleza desse teu olhar