terça-feira, 27 de outubro de 2009

Como a cruz diária



Deus passou o dia inteiro comigo hoje

Veio em forma de luz, como um vaga-lume

a iluminar a noite cinzenta e triste

Me acordou com perfume de casa limpa

Depois, passou entre meus pés

com os pêlos do bichano a me fazer cócegas

Não satisfeito, me fez comer macarrão

E escrever uma carta pedindo perdão

E me livrou de ambas as culpas

Deus hoje me falou em vozes femininas

talvez as taurinas sejam a força de que o mundo precisa

Ainda que eu desconfie da posição das estrelas

e do Cosmos nisso tudo


Literário,Deus me fez ler alguns

trechos de livrospara acalmar o terremoto

que estava por vir

Me abriu os olhos para os evangelhos contemporâneos

aqueles que não estão na Bíblia

mas invadem livrarias

em forma de prosa e poesia

Deus me fez pensar que após a plenitude pode

(e há de) vir o declínio

Mas isto não se tornará um hábito

Porque alcançarei um equilíbrio

Deus me disse hoje, quase sussurrando,

em forma de canção do Bon Jovi,

mas ao invés do "I´ll be there for you"

Ele me diz: "Eu estou aqui por você."




Incrivel, não?!

Nenhum comentário: